Eu, a pena, o nankim e o papel.

Guido e Joana

Tenho gostado mto do resultado da HQ ultimamente. Talvez nem tanto pelo desenho em si, mas pelo envolvimento sem precedentes pra mim.

Acho que por isso tem me inspirado tanto ler blogs de caras influentes tais como Rafael Grampá, Rafael Albuquerque, e os gêmeos Moon e Bá. Sabendo que será publicado, desenhar uma HQ é como se preparar para o nascimento de uma criança. É dedicação diária. É entregar-se feliz.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s